DESIGNING BUSINESS

Como foi?
Demorou um ano, mexeu com muita gente e usou um novo modelo.
O modelo Designing Business da ALBUQUERQUE baseia-se no design thinking e cruza v√°rias aplica√ß√Ķes.


DESIGNING THINKING



Pensamento Visual
Conceber, representar e acompanhar o negócio em infografia.
Permite tornar simples e claro o que era complexo e obscuro.
Permite distinguir o essencial, corrigir erros e partilhar de forma
f√°cil e r√°pida o importante.






Workshops Conceptuais
Envolver várias sensibilidades, dentro e fora do negócio.
Sem os anacronismos e vícios da consultoria tradicional
e integrando na reflexão estímulos multisensoriais.
Interessam os perfis que se destacam pela qualidade
do pensamento, pela especificidade do que representam
e pela singularidade da perpectiva: a inovação vem mais
de franjas laterais do que de um centro maiorit√°rio
de conformidade.



Designer's Eye
Integrar pensamento e acção, processo e resultado, forma
e função. Permite unir os aspectos ligados à aparência
aos aspectos de comportamento e desempenho.
Torna possível uma evolução: desenhar as marcas a partir
das pessoas, do contexto e do negócio.
APLICA√á√ēES

DESIGNING BRAND icon       DESIGNING BRAND

Não é o look que nos move.

√Č uma experi√™ncia total, multisensorial e multifuncional;
é um comportamento que cumpre, uma entrega
verdadeira, com uma imagem que desperta o desejo de ter
e que n√£o podia ser outra.
√Č a constru√ß√£o da diferen√ßa e da relev√Ęncia.

O que as marcas procuram mas só as verdadeiras marcas
conseguem é muito mais do que consumidores: é admiração.

Uma marca que todos sabem desenhar.


DESIGNING PRODUCT icon       DESIGNING PRODUCT

N√£o h√° grandes marcas
sem grandes produtos.

No séc. XXI, a verdade do produto / serviço volta à superfície.
Interessa o benefício vivido mais do que o comunicado.
Felizmente, os desvios entre ambos serão cada vez mais penalizados. Marketeers e brand people do mundo, atenção: não serve de nada fazer
marcas a n√£o ser que elas realmente guiem e inspirem o desenvolvimento
do produto e a relev√Ęncia do que fazemos para a vida das pessoas.

DESIGNING COMMUNICATION icon       DESIGNING COMMUNICATION


A assinatura da Novabase comunica o car√°cter
vibrante e voluntarista da marca e a import√Ęncia
da autenticidade. Com bons e maus momentos,
com qualidades e defeitos, a vida encontra
sempre caminho.

As orienta√ß√Ķes de comunica√ß√£o s√£o simples:
evitar o adjectivo de auto-elogio, enfatizar
o verbo e a acção, contar as histórias Novabase
partindo do ponto de vista de quem beneficia
da experiência.

Os protagonistas s√£o as pessoas
e os benefícios. A tecnologia é invisível;
o que fazemos com ela é que não.





DESIGNING MOMENT icon       DESIGNING MOMENT

Muito se gasta em eventos.

Na Albuquerque, n√£o fazemos eventos desenhamos momentos. Empenhamo-nos em momentos que signifiquem,
em experiências que as pessoas guardam na sua memória e que deixam um lastro para uma boa mudança,
um novo olhar, uma descoberta.

Para a Novabase, lembramos dois:
A Call to All, o momento de chamada aos colaboradores da Novabase.



Time to Change, o momento de festa e de alegria que celebra, com todos os stakeholders, o Natal de um novo
ciclo Novabase.




DESIGNING YOU icon       DESIGNING YOU


Os valores n√£o se imp√Ķem
são códigos de SER, que se interiorizam e cumprem em cada Eu, em cada uma das pessoas que em conjunto faz uma cultura, uma marca. As pessoas são sempre o determinante. “Eu dou, Eu ouço, Eu ligo,
Eu cres√ßo‚ÄĚ √© a verbaliza√ß√£o dos valores da Novabase, uma fuga aos invis√≠veis substantivos de conveni√™ncia, um apelo simples ao empenho e ao que realmente ‚Äúacende‚ÄĚ o melhor da Novabase.




DESIGNING ENVIRONMENT icon       DESIGNING ENVIRONMENT

Let's play

No séc. XXI, a diferença entre espaços de lazer
e de trabalho dissolve-se: um bom espaço de trabalho
é também um espaço de cultura, de lazer, de estímulo
às ideias e à criação de valor.

A Novabase d√° os primeiros passos neste conceito.
Esperamos que um dia corra.



Um dia, todos os negócios serão desenhados.